segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

VENCENDO O BULLYING: PROJETO DA PALESTRA




Palestra

VENCENDO O BULLYING



1. A importância e o diferencial da palestra

            Esta é uma palestra realizada por mim, com o intuito de ajudar aquelas pessoas que passaram ou ainda passam pelo problema do bullying. O bullying é um mal social presente em todas as esferas da sociedade, atingindo todas as classes e níveis sociais. Embora, infelizmente, ele só tenha a visibilidade que necessita quando algum caso de espancamento, suicídio ou assassinatos vem à tona na mídia, é de grande importância que todos os dias, em todos os lugares, em especial nas escolas, ele seja debatido, prevenido e combatido. As consequências da negligencia com relação à essa necessidade podem ser catastróficas.

            Geralmente, as estratégias adotadas pelas escolas e pela sociedade para lidar com o problema são:


·         Estratégias gerais: questionário anônimo para identificar as ocorrências de bullying; treinamento de professores; discussão do fenômeno com a sociedade; parcerias com órgãos públicos; formação de conselhos antibullying; peças de teatro; concursos artísticos sobre o tema bullying; diversos tipos de materiais impressos explicativos; dinâmicas de grupo; projeção de filmes; proteção das vítimas; estímulo à pesquisa escolar sobre bullying; palestra para os pais; etc.
·         Estratégias em sala de aula: palestras; vídeos; manuais; textos; histórias e fábulas; estatuto contra o bullying; etc.
·         Estratégias individuais: entrevista individual com vítimas e agressores; falar com os pais dos envolvidos; ajuda e apoio para os pais; monitoração do uso de jogos violentos; diálogo entre pais e filhos sobre o bullying; presença dos pais no cotidiano escolar dos filhos; encorajamento à denúncia; medidas de proteção às vítimas e encaminhamento a tratamento clínico quando necessário; etc.
·         Estratégias familiares: promoção de encontros com pais para conscientização do fenômeno bullying; envolvimento da família nas ações de intervenção e prevenção; identificação do comportamento de agressores e vítimas; etc.

Todas essas estratégias são válidas e eficazes. Porém, tanto no meu livro como em minha palestra, apresento estratégias a serem utilizadas pelas vítimas do bullying, aquelas que já o enfrentaram em algum momento de suas vidas ou que ainda o estão enfrentando. São estratégias que sobreviver aos ataques dos bullies, mantendo a sua integridade física, moral e mental, superando as agressões ao mesmo tempo em que saem fortalecidas. O objetivo é ajudar as vítimas a criarem mecanismos psíquicos e emocionais para manterem sua humanidade íntegra e se fortalecerem contra traumas e complexos que geralmente carregariam pelo resto de suas vidas.


2. O conteúdo

            Na palestra – apresentada através de slides – os alunos e demais participantes obterão informações básicas sobre: O QUE É O BULLYING, QUAIS SÃO AS SUAS VÁRIAS FORMAS, QUEM SÃO OS SEUS PERSONAGENS. São informações básicas, porque o conteúdo principal da palestra são as estratégias de superação, que são as seguintes:

·         Estratégia 1: Enfrente o problema
·         Estratégia 2: Quando for assediado, não faça estardalhaço
·         Estratégia 3 Tenha consciência de quem você é
·         Estratégia 4: Conheça e valorize as suas qualidades e talentos
·         Estratégia 5: Lembre-se: o problema não está em você
·         Estratégia 6: Aprenda a praticar a “resiliência”
·         Estratégia 7: Busque aliados
·         Estratégia 8: Aprenda a tirar proveito dos seus agressores
·         Estratégia 9: Conheça e utilize os seus direitos
·         Estratégia 10: Confunda os seus inimigos com as suas boas ações
·         Estratégia 11: Assuma o controle da sua própria história

Essas estratégias compõem o capítulo Como enfrentar o bullying e sair fortalecido, do meu livro, Memórias do Silêncio: relatos e reflexões de uma vítima do bullying. Acredito que muito mais que criar formas de prevenir e combater o bullying, precisamos investir na vida daqueles que são ou foram suas vítimas. Todas as armas são bem-vindas para erradicar do nosso meio esse terrível mal, que para alguns é tão banal, mas que para outros pode representar uma vida inteira de traumas e até mesmo o suicídio. O massacre na escola de Realengo, Rio de Janeiro, deixa bastante claro que não podemos descansar, descuidar, esquecer, relativizar. O esquecimento de hoje pode representar a tragédia de amanhã. Que futuro queremos para nossas crianças, adolescentes e jovens? Então vamos, juntos, ajudá-los a construí-lo.


3. Os objetivos

            A palestra Vencendo o bullying pretende criar cidadãos íntegros, autoconscientes, capazes de construir a sua própria história, de evoluir como cidadãos e seres humanos sadios, capazes e responsáveis. O seu conteúdo chama as pessoas (alunos, pais, professores, etc.) a uma vida comunitária, solidária, fraternal, onde as diferenças são respeitadas, onde a autoestima, a amizade, o respeito e a tolerância são cultivados. Além disso, a palestra pretende transmitir valores morais elevados, tão necessários à nossa sociedade consumista e individualista. Em suma, formar cidadãos conscientes de si e dos outros, promovendo a paz, o amor e a harmonia entre todos.


4. Investimento

A palestra pode durar entre uma ou duas horas, dependendo do público e do tempo disponível da instituição, podendo se estender. O investimento é de R$ 150,00, independente do número de alunos e demais participantes.


5. Breve currículo do palestrante


FORMAÇÃO ACADÊMICA

·         Graduado em Tecnólogo em Gestão de Recursos Humanos, com conclusão em dezembro de 2013, pela Universidade Potiguar (UNP).

EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL

·         Potylivros Livraria e Distribuidora LTDA, Natal (1993 a 2013): vendas internas.
·         Casa Renascer, Natal (2003): professor de teatro.
·         Petrolar, Rio de Janeiro (1988 a 1991); vendas internas.
·         Cortez Editora e Livraria LTDA (1986 a 1987): balconista.
·         Supermercado Daniel (1992 a 1993): repositor.

CURSOS DIVERSOS

·         Como aluno: 1) Curso de Introdução ao Teatro do Oprimido (UFRN, 1998).2) Curso “Aprofundando e multiplicando o Teatro do Oprimido” (UFRN, 2002). 3) II Oficina de Iniciação Teatral (2003, Fundação Cultural Capitania das Artes). 4) Curso “Gestão e Espiritualidade” (2008, Livraria Paulinas). 5) Vendas (SENAC)
·         Como professor: 1) Oficinas de teatro em Macaíba, Baía Formosa, Parnamirim (amigo da escola), Cruzeta e Natal. 2) Workshop “A arte de falar em público” para alunos do curso de Gestão de Recursos Humanos, da UNP.


5. Informações e contatos

Tel: (84) 9425-3294 (Claro); 8866-8286 (Oi); 9828-0647 (Tim); 8157-0589 (Vivo).


Blog: mizaelpoeta.blogspot.com.br
         gestaocompessoaserh.blogspot.com.br